A sátira de Natal da Netflix no Brasil causa indignação religiosa

Uma sátira de Natal no Netflix mostrando Jesus em um relacionamento gay gerou uma reação negativa no Brasil, onde centenas de milhares assinaram uma petição pedindo a remoção do filme. A Primeira Tentação de Cristo, do grupo humorístico brasileiro Porta dos Fundos, começou a ser veiculada no dia 3 de dezembro, recebendo críticas de políticos conservadores, evangélicos e católicos.

O trailer de 46 minutos do filme diz que Jesus, que está fazendo 30 anos, traz um “convidado surpresa” para conhecer sua família.

Mais de 760.000 pessoas assinaram uma petição da Change.org na terça-feira à tarde pedindo que o filme fosse removido por “ofender seriamente os cristãos”.

“Apoiamos a liberdade de expressão, mas vale a pena atacar a crença de 86% da população”, tuitou Eduardo Bolsonaro, filho mais velho do presidente do Brasil e membro do Congresso.

O Brasil continua sendo o maior país católico do mundo, embora seu rebanho tenha diminuído à medida que as igrejas evangélicas cresceram. Cerca de 64 por cento da população identificada como católica, de acordo com o censo de 2010.

Henrique Soares da Costa, bispo pernambucano, disse no Facebook que cancelou a assinatura do filme no Netflix e o descreveu como “blasfemo, vulgar e desrespeitoso”.

A Netflix Brasil não quis comentar os protestos quando contatada pela AFP.

Já a Porta dos Fundos levou ao Twitter para “celebrar o sucesso da outra criação de Deus: o nosso especial de Natal”.

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply


Copyright © arturhoje.com.br.
arturhoje.com.br is a participant in the Amazon Services LLC Associates Program, an affiliate advertising program designed to provide a means for sites to earn advertising fees by advertising and linking to Amazon.com.br. Amazon, the Amazon logo, AmazonSupply, and the AmazonSupply logo are trademarks of Amazon.com, Inc. or its affiliates.
….
Artur Hoje