Cristiano Ronaldo no topo do mundo

Cristiano Ronaldo foi aclamado como o artilheiro profissional mais prolífico da história do jogo na quarta-feira, depois de marcar seu 760º gol para ajudar a Juventus a vencer o Napoli por 2 a 0 na SuperTaça italiana.

O título de artilheiro é muito disputado e o órgão dirigente mundial da FIFA não mantém um registro oficial, mas vários meios de comunicação noticiaram que o gol de Ronaldo o levou a ultrapassar o austro-tcheco Josef Bican para o topo da lista.

Bican, assim como os atacantes brasileiros Pelé e Romário, marcaram mais de 1.000 gols em suas carreiras, mas essas estatísticas incluem gols em jogos amadores, não oficiais e amistosos.

A contagem da carreira de Ronaldo inclui gols por quatro clubes da primeira divisão e por Portugal, e seu rival ativo mais próximo é Lionel Messi, da Argentina, que no mês passado marcou um único recorde de clube, os 644 gols do Barcelona.

Ronaldo ultrapassou recentemente a lenda brasileira Pelé (757), que caiu para o terceiro lugar na lista de todos os tempos, enquanto Romário está em quarto (743) e Lionel Messi, do Barcelona, ​​está entre os cinco primeiros (719).

Ronaldo, de 35 anos, que é o maior artilheiro do seu país com 102 gols, já jogou pelo Sporting Lisboa (cinco gols), Manchester United (118) e Real Madrid (450). Ele marcou 85 gols pela Juventus.

Seu ano de pontuação mais prolífico veio em 2013, quando ele encontrou o fundo da rede 69 vezes, mas também registrou 34 em 2007, 35 em 2008, 30 em 2009, 48 em 2010, 60 em 2011, 63 em 2012, 61 em 2014, 57 em 2015, 55 em 2016 e 53 em 2017.

No entanto, a temporada de golos mais prolíficos do cinco vezes vencedor da Liga dos Campeões foi 2011-12, com 69 gols no total. Enquanto isso, Ronaldo disse que a vitória de quarta-feira pode ajudar a revigorar a defesa do campeão pelo título da Série A nesta temporada. Ele marcou o primeiro aos 64 minutos e o gol de Álvaro Morata nos acréscimos selou o jogo em favor de Andrea Pirlo. Este também foi o primeiro troféu de Pirlo como Juventus.

Zidane não vacilou

O técnico do Real Madrid, Zinedine Zidane, disse que seu time não perderia a cabeça depois de ser expulso da Copa del Rey pelo Alcoyano, da terceira divisão, na quarta-feira, também descartando sugestões de que a derrota por 2 a 1 tenha causado um grande constrangimento para sua equipe.

“Não é uma pena, é algo que sempre pode acontecer no futebol”, disse o francês. “Algo assim pode acontecer na carreira de um jogador de futebol, mas eu assumo a responsabilidade e vamos continuar trabalhando. Não vamos enlouquecer com isso. “

We will be happy to hear your thoughts

Leave a reply


Copyright © arturhoje.com.br.
arturhoje.com.br is a participant in the Amazon Services LLC Associates Program, an affiliate advertising program designed to provide a means for sites to earn advertising fees by advertising and linking to Amazon.com.br. Amazon, the Amazon logo, AmazonSupply, and the AmazonSupply logo are trademarks of Amazon.com, Inc. or its affiliates.
….
Artur Hoje